De fé em fé

Queridos irmãos,
Graça e paz!

É um privilégio compartilhar com vocês as nossas notícias à medida que seguirmos a nossa jornada transcultural, vivendo com intencionalidade a vocação para a qual fomos chamados pelo Senhor.

O nosso Deus tem nos guardado e, por isso também, louvamos o Seu nome. O Eterno nos livrou do mal durante a passagem dos furacões Florence e Michael, que afligiram a nossa região recentemente. Em ambos os casos, o nosso principal recurso foi a oração e vimos o Senhor respondendo positivamente, ora transformando o furacão em tempestade tropical, ora acalmando a tempestade. Não é extraordinário considerar que o nosso Deus é aquele a quem “até o vento e o mar lhe obedecem?” (Marcos 4.41).

A gestação do nosso segundo filho segue se desenvolvendo bem. Pela graça de Deus, as consultas e exames referentes ao pré-natal têm sido bastante favoráveis, indicando que vai tudo bem com a saúde da mamãe e do bebê. O parto está previsto para o início do mês de fevereiro, embora os médicos não descartem uma antecipação.

Experiência de fé

Essencialmente, a chegada de um irmãozinho tem representado uma experiência de fé para o Mateus. Durante o período aproximado de 2 anos, ele orou diariamente pedindo a Deus que enviasse um irmão ou irmã. Até mesmo quando o sonho da gravidez começou a parecer improvável para nós, pais, ele continuou batendo à porta com fé, crendo que em algum momento, Deus a abriria. Ele entende que a gravidez é resposta às suas súplicas e tem dado testemunho sobre a graça divina e a eficácia da perseverança em oração (Mateus 7.7).

Prosseguimos com as atividades relacionadas ao nosso grupo de refugiados aqui, na cidade. Nesta fase do trabalho, além do desenvolvimento das atividades regulares, temos promovido iniciativas de capacitação daqueles que irão eventualmente nos substituir. No último encontro de voluntários e professores, tivemos a alegria de compartilhar com eles aprendizado, informações e ferramentas de trabalho. Adicionalmente, a fim de contribuir com o desenvolvimento do trabalho, organizamos uma biblioteca em nossa igreja, que conta com todos os livros que adquirimos ou ganhamos ao longo do nosso curso de Mestrado em ensino do inglês como língua estrangeira (TEFL).

Refugiados

No que diz respeito aos refugiados, uma novidade é que iniciamos um estudo bíblico semanal com uma das famílias de refugiados da Síria. Esta é a mesma família que assistiu ao Filme Jesus no início do ano. Há cerca de dois meses, a esposa expressou que creu no evangelho em resposta à mensagem do filme. Consequentemente, decidimos iniciar o estudo bíblico, utilizando uma série de vídeos de um material chamado “Al Massira”, o qual utiliza a metodologia do ensino bíblico cronológico e foi desenvolvido por cristãos árabes. Uma característica importante do material é que ele foi desenvolvido em árabe, embora esteja disponível em outras línguas, o que facilita bastante a comunicação com os nossos amigos, por ser essa a língua materna deles. Apesar de estarmos progredindo, a cada semana uma situação diferente ocorre, tentando impedir a realização do estudo. Pela primeira vez na vida, os nossos amigos estão sendo expostos ao evangelho de uma forma ampla. Por isso, entendemos que estão sendo alvo de uma batalha espiritual. Desta forma, pedimos que intercedam por essa família.

Fé

O Senhor tem aberto portas para falarmos sobre a crise migratória, e despertarmos mais irmãos para o trabalho com refugiados. Pela graça de Deus, terei, no dia 15 deste mês, a honra de falar em um importante evento em Washington D.C. Será uma reunião de líderes cristãos americanos que desejam forjar o caminho a seguir em questões de imigração no país. Eles querem entender como uma igreja tão pequena está conseguindo realizar um trabalho tão relevante em meio um grupo tão expressivo de refugiados. Estarão presentes líderes evangélicos como Leith Anderson, que é o presidente da Associação Nacional de Evangélicos. Suas orações por esse evento serão apreciadas.

Formatura

A formatura referente ao nosso curso de TEFL acontecerá no dia 14 de dezembro. Será um momento significativo para a nossa família, já que Vânia e eu nos formaremos na mesma ocasião. Considerando todo o esforço, renúncia e dedicação que empregamos ao longo do período de estudos, o nosso grande desejo é utilizar o conhecimento adquirido em nosso próximo trabalho no Oriente Médio. Que Cristo seja glorificado entre os menos evangelizados do planeta por meio da nossa família. Além de gratidão a Deus, somos gratos a todos vocês que têm incentivado, apoiado e investido no ministério que o Senhor nos confiou.

Projeto

Com alegria, comunicamos que elaboramos o projeto de trabalho que planejamos desenvolver a partir do próximo ano. O material conta com informações detalhadas que descrevem, por exemplo, os nossos objetivos, público-alvo, fases do projeto e recursos necessários. Os irmãos que desejarem receber uma cópia do projeto por e-mail, por favor, entrem, por favor, em contato e atenderemos ao seu pedido com alegria. Pedimos que considerem em oração a possibilidade de participarem do nosso projeto. A obra missionária precisa da sua participação!

Aproveitamos para desejar a todos vocês um final de ano em que possam experimentar toda sorte de “bênçãos espirituais nas regiões celestiais em Cristo” (Efésios 1.3).

Cordialmente,

Família Oliveira


Faça parte desta obra

A manutenção do nosso projeto missionário se dá por meio da contribuição voluntária de igrejas e pessoas físicas que amam a obra missionária.

Se o Senhor falar ao seu coração e você desejar investir em missões por meio das nossas vidas, por favor, entre em contato conosco e forneceremos todas as informações para que você seja um mantenedor do nosso ministério. Sua participação em nossa jornada será fundamental para continuarmos prosseguindo.

Você também pode participar de forma pontual, enviando-nos uma oferta especial via PagSeguro ou através de uma das nossas contas bancárias:

PagSeguro
Para doar, clique no ícone do PagSeguro

Bradesco
Conta Poupança
Agência 0582-7
Conta 1008127-0

Banco do Brasil
Conta Corrente
Agência 1579-2
Conta 16946-3