Vida, Ministério e Desafios no Campo Missionário

Como anda o movimento missionário brasileiro? Será que como Igreja brasileira estamos progredindo ou regredindo em nossos empreendimentos missionários? Será que ainda enviamos um número expressivo de missionários ao campo, como em décadas passadas?

O livro, Vida, ministério e desafios no campo missionário, escrito por Jairo de Oliveira, sugere que assim como enviar missionários aos campos carentes do evangelho, um grande desafio no cenário do movimento missionário brasileiro é conscientizar a Igreja em nosso país acerca de sua natureza e vocação missionária.

A partir do desejo de influenciar a Igreja brasileira a aprofundar a sua visão missionária e a promover uma ação transcultural responsável, madura e transformadora, Jairo de Oliveira confirmou a sua vocação literária e escreveu um novo livro sobre missões. Organizado em quinze capítulos, o livro trata assuntos contemporâneos de missões e descreve aspectos práticos da vida do missionário no campo, tais como: o processo de adaptação, aquisição linguística, aprendizado cultural, a contextualização do evangelho; medidas de segurança e países de acesso restrito ao evangelho, o trabalho em equipes multiculturais e evangelização e responsabilidade social. Trata ainda de questões mais relacionadas à Igreja como o preparo missionário no contexto brasileiro, a prevenção do retorno prematuro e o apoio na retaguarda

O autor escreve a partir de seus mais de 10 anos de experiência servindo como missionário brasileiro em diferentes países do continente africano. Desta forma, ele procura tanto equipar novos recrutas para servirem adequadamente num ambiente transcultural, como a Igreja em nosso país a enxergar a missão mais de perto, participando de maneira eficaz na vida dos seus missionários servindo além-fronteiras.

O texto dialoga com a literatura missiológica mundial, mas também apresenta diversas contribuições de missionários brasileiros que narram o trabalho missionário a partir do campo. Assim, os capítulos proporcionam ao leitor uma oportunidade de reflexão de uma forma ampla e o contato com realidades de contextos transculturais que envolvem a vida dos povos menos evangelizados, onde missionários brasileiros têm atuado.

“Jairo consegue fazer a difícil combinação de ser prático e analítico ao mesmo tempo. Isto dá credibilidade ao seu livro e o torna indispensável em cursos preparatórios para missionários, departamentos de missões de igrejas locais e para estudiosos do movimento missionário em geral”, afirma Bertil Ekstrom, membro da Comissão de Missões da Aliança Evangélica Mundial.

O Dr. Ralph Winter, fundador do Centro Norte-Americano de Missões Mundiais, comenta no prefácio do livro:Sem sombra de dúvidas, este livro é recomendado para todo cristão comprometido”.

Pela paixão, maturidade e compromisso com que o autor escreve, o texto certamente abençoará a Igreja evangélica brasileira em toda a sua esfera. Isso é o que afirmam os outros irmãos que recomendam a obra: Silas Tostes (presidente da Aliança Evangélica Brasileira), Timóteo Carriker, (presidente fundador da Associação dos Professores de Missões do Brasil), David Allen Bledsoe (missionário da International Mission Board da Convenção Batista do Sul dos Estados Unidos) e Jullyana Pimenta (jornalista e editora do Grupo Povos e Línguas).

O autor: Jairo de Oliveira é natural do Rio de Janeiro, membro da Segunda Igreja Batista na Taquara – RJ e missionário entre povos ainda não alcançados com evangelho. É um apaixonado por literatura e investe parte do seu tempo traduzindo e escrevendo livros. É um dos comentaristas da Bíblia Missionária de Estudo, publicada pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) e autor de dez livros, dentre eles: De todos os povos (Prêmio Areté) e Refugiados, peregrinos e forasteiros, publicados pela Abba Press Editora.

Adquira o seu exemplar na minha lojinha do Facebook, clicando aqui.


Pesquisar no site

Já recebe as nossas cartas de oração? Ainda não? Cadastre-se para recebê-las.