Socorro e livramento

Queridos irmãos,
Graça e paz!

Era uma manhã de quinta-feira quando o telefone tocou. Na tela do celular, identifiquei que a chamada era via WhatsApp. Quem tentava contato era o pastor Renato da Conceição, diretor da (SEMADEM), uma das organizações parceiras que contribui com o nosso sustento mensal. Com o telefone nas mãos, o pensamento que de imediato me passou pela cabeça foi o de ignorar a chamada. Isso se deu porque o aplicativo do WhatsApp é bloqueado para chamadas de voz e vídeo aqui no nosso país de ministério. Logo, veio outro pensamento: “Atende, assim ele vai saber que você não ignorou a chamada. Em seguida, envia uma mensagem informando sobre o bloqueio do WhatsApp”. Oscilando entre um pensamento e outro, decidi atender. Para minha surpresa, pela primeira vez desde a nossa chegada ao país, a ligação foi completada. “É milagre!”, disse ao pastor, ao trocarmos as primeiras palavras. Por cerca de vinte minutos, tivemos uma excelente conversa. O motivo da ligação era que o Pr. Renato queria ter notícias nossas. Ele fez várias perguntas para saber como estávamos reagindo ao severo isolamento social imposto no país, o qual alternava entre dias de isolamento social total (lockdown) e toque de recolher. Em determinado momento, ele também perguntou sobre as nossas finanças. Do ponto de vista financeiro, aquele era um dia desafiador. Já estávamos quase sem nenhum recurso e precisando visitar tanto o mercado quanto a farmácia. Mediante as perguntas, fui honesto e relatei a nossa real situação. Depois de me ouvir e sondar a forma mais rápida para que recursos chegassem em nossas mãos, o Pr. Renato prometeu que faria o possível para nos enviar uma remessa financeira emergencial. Concluímos a conversa, e, poucas horas depois, ele fez um depósito. A quantia enviada representava a antecipação de dois meses da oferta mensal que recebemos da SEMADEM. Assim que soube que os recursos estavam disponíveis, corri para o mercado e para a farmácia. Pela graça de Deus, consegui comprar tudo o que precisávamos e regressar a casa poucos minutos antes do soar da sirene que daria início a um novo período de isolamento social total (lockdown). Mais uma vez, em nossa jornada transcultural, o socorro e o livramento do Eterno chegaram na hora certa e de forma inesperada. Louvado seja o nome do Senhor!

Em nossa última carta, compartilhamos com vocês sobre a sugestão que recebemos da embaixada americana para deixarmos o país no dia 9 de abril, em função dos desdobramentos relacionados à pandemia. Compartilhamos, também, sobre a nossa decisão de permanecermos, depois de um processo de busca da vontade de Deus. Hoje, fazendo uma retrospectiva, entendemos que fizemos a escolha certa e estamos muito agradecidos pelo privilégio de estarmos aqui, neste momento cercado de desafios.

Socorro aos refugiados

Nos últimos meses, apesar das restrições que enfrentamos, incluindo o fechamento das fronteiras, muitas portas se abriram, no serviço ao povo. Uma iniciativa que tomamos foi a de mantermos os nossos alunos de inglês ativos no exército da língua. Essa iniciativa se mantém até hoje. Desse modo, três vezes por semana, enviamos atividades online para todos os nossos alunos. Em uma das nossas interações, uma aluna refugiada somali nos perguntou: “Vocês não vão embora?” Respondemos: “Não, amamos vocês e Deus nos trouxe aqui para servi-los”.

Ao longo desse período, uma iniciativa que tivemos a alegria de participar com a nossa equipe de trabalho foi a de distribuição de cestas básicas. A pandemia afeta a todos, e mais ainda os vulneráveis entre os mais vulneráveis, que é o caso dos refugiados. Por meio desse esforço conjunto, mais de cem famílias já foram assistidas.

Socorro e livramento

Contribuição literária

Durante a pandemia, estamos participando de projetos literários importantes. O primeiro que queremos destacar é que escrevemos um capítulo para o livro “Cristianismo Pós-Pandemia: Impactos e oportunidades”. A obra representa um esforço para auxiliar a Igreja brasileira a lidar com estes dias difíceis e os que ainda estão por vir, em função da pandemia. O livro foi organizado pelo publicitário Neriel Lopez e publicado pela Editora Vida. A nossa contribuição foi publicada no capítulo 10, que tem por título: “Os novos rumos na pregação do evangelho”. Participaram ainda como coautores da obra os prezados irmãos: Fabiano Pereira, Sandro Bier, Lourenço Stelio Rega, Atilano Muradas, Mario K. Simões, Rafael Bandeira, Magno Paganelli, Décio Figueiredo e Elis Amâncio. Para mais informações, acesse aqui.

Também conseguimos finalizar e enviar para a editora, nos EUA  (Wipf & Stock Publishers), o manuscrito do livro (Changing Stories) que escrevemos sobre a missão da Igreja em meio à crise migratória mundial. A previsão é que a obra seja publicada no primeiro trimestre de 2021, quando a guerra na Síria completará dez anos e haverá, provavelmente, um interesse global maior pela questão dos refugiados. Esse é um livro que combina lições teóricas e práticas em um ministério com refugiados. Suas orações são muito bem-vindas por mais esse projeto!

Família

Pela graça do Senhor, estamos bem. O nosso filho mais velho está feliz por ter concluído a quinta série, no fim do mês de maio, e o mais novo continua crescendo e se desenvolvendo com boa saúde. Como casal, estamos vivendo dias de muita gratidão ao Senhor, já que no próximo dia 15 completaremos 20 anos de casados. Louvamos a Deus pela nossa união e pelo nosso amor, que, com o passar dos anos, vem se tornando mais maduro, intenso e profundo.

Seguimos por aqui, vivendo um dia de cada vez e progredindo no desenvolvimento do nosso trabalho como discípulos de Cristo.

Muito obrigado por acreditarem na nossa vocação e nos darem condições de desenvolvê-la aqui, também, entre refugiados, no Oriente Médio!

No Senhor,

Família Oliveira


Faça parte desta obra

A manutenção do nosso projeto missionário se dá por meio da contribuição voluntária de igrejas e pessoas físicas que amam a obra missionária.

Se o Senhor falar ao seu coração e você desejar investir em missões por meio das nossas vidas, por favor, entre em contato conosco e forneceremos todas as informações para que você seja um mantenedor do nosso ministério. Sua participação em nossa jornada será fundamental para continuarmos prosseguindo.

Você também pode participar de forma pontual, enviando-nos uma oferta especial via PagSeguro ou através de uma das nossas contas bancárias:

Pagseguro

PagSeguro
Para doar, clique no ícone do PagSeguro

Bradesco

Bradesco
Conta Poupança
Agência 0582-7
Conta 1008127-0

Banco do Brasil

Banco do Brasil
Conta Corrente
Agência 1579-2
Conta 16946-3